Ilha do Sal: Mulher natural de São Nicolau assassinada à facada pelo companheiro - Radio Atlântico Cabo Verde

Radio Atlântico Cabo Verde

O som que nos une!

loading...

Ilha do Sal: Mulher natural de São Nicolau assassinada à facada pelo companheiro

Partilhar artigo
Mais um crime de sangue grave aconteceu este sábado no Sal. Maria José Almeida, mais conhecida por Bia Zé, foi morta à facada, na sua residência na cidade dos Espargos, pelo seu companheiro, que se encontra a monte no momento do fecho desta peça.

Conforme testemunhas oculares citadas pela RCV, o homicida desferiu cruelmente vários golpes com faca à vítima. Esta não resistiu aos ferimentos graves, apesar do pedido de socorro por vizinhos a pedido de familiares – quando chegaram o bombeiro e a Policia já era tarde para a salvar.

Um cidadão chamado a prestar socorro no local conta que encontrou um dos dois filhos da vítima fechado no quarto de banho, onde se escondeu diante da ameaça do companheiro da falecida, que se encontra a monte, no momento em que editamos esta peça.

Maria José Almeida, de 44 anos, residia em Espargos. É mãe de dois filhos e trabalhava numa empresa no Sal. Estava prevista que, neste mês de Julho, entrasse em gozo de férias a que tinha direito.

Entretanto, as autoridades judiciais e policiais já se encontram no terreno a investigar o caso e tentar capturar o autor desse crime de sangue violento e apurar as devidas responsabilidades criminais.

De recordar que, ultimamente, tem-se registado uma onda de criminalidade na ilha do Sal, com destaque para assaltos à mão armada a turistas, hotéis e residências, homicídios com tiro e arma branca, tráfico de droga e roubo de animais, bem como inúmeros casos de violação sexual de menores.

Sem comentários:

Enviar um comentário

INFORMAÇÃO

Algumas fotografias utilizadas neste site e alguns artigos são provenientes de outras fontes como Jornais, Revistas, Blogues, órgãos de comunicação social, bases fotográficas estrangeiras e motores de busca. Todos os artigos tem a fonte da foto e da noticia no final do mesmo. Se alguma entidade se sentir lesada ou não permitir a utilização de algum conteúdo utilizado neste sítio comunique-nos, por favor, e prontamente será retirado.